sexta-feira, 5 de abril de 2013

"As ruas são pra dançar"

A ocupação urbana, em todas as suas naturezas, gera afetividade e apropriação com a cidade e isso gera a cidadania crítica e ativa

Este é um dos princípios do movimento BaixoCentro. A primeira edição aconteceu no ano passado, mas acredito que nasceu, de verdade, muito antes. Surgiu de uma inquietação que existia dentro das pessoas que moravam, trabalhavam, andavam por esta área da cidade, tão degradada, especialmente pós Minhocão. Pessoas que queriam ver mais cor, mais vida, mais gente sem medo de sair, de dar as caras, de ocupar as ruas com alegria, arte, festa, dança... Aliás, este é o lema (e título do post): “as ruas são pra dançar”. 

Tudo o que você precisa saber sobre o Festival está aqui: http://baixocentro.org/

E ele só vai acontecer porque muita gente (posso dizer, com orgulho, que eu também) colaborou, doando qualquer que fosse a quantia, através de financiamento coletivo. COLETIVO: é muito bom saber que as pessoas ainda se unem para fazer a felicidade acontecer.

E este post é apenas um convite: saia, participe, veja, ocupe a cidade. Ela também é sua!  Temos 10 dias, a partir de hoje, de agora, para transformar o cinza de São Paulo em arco-íris.



Piquenique no Minhocão - 2012


 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário